APOIE!

Preencha o formulário e receba novidades da Campanha:




Conheça Camila Aguiar

Candidata à Vereadora pelo PCdoB.

Estudei Sociologia e Política na Fundação Escola de Sociologia de São Paulo, sou Doula, mulher preta e periférica, mãe de duas mulheres, feminista interseccional, ativista antirracista e militante da humanização do parto.

Nasci e me criei na Brasilândia, uma das regiões periféricas mais conhecidas e populosas da cidade de São Paulo, hoje resido na Freguesia do Ó. Comecei a trabalhar aos 14 anos e hoje, aos 40, atuo como Doula.

Entrar para a política institucional não responde a um desejo individual de poder, mas à compreensão de uma responsabilidade ancestral coletiva, que jamais se furtou ao dever de garantir nosso direito ao futuro. Por isso, é tão importante construirmos isso no presente, agora. Pois não se trata apenas de nós, mas se trata de quem está para chegar, de nossa continuidade, de quem agora germina e que tem direito a florescer num mundo menos desigual. Este florescer significa alcançar, estar nos espaços de poder por saber que eles também nos pertencem e que o insistente projeto histórico de extermínio de nossa população, preta e periférica, não será concluído. 

Muito obrigada por existir, resistir e avançar. Não estamos sós. Um abraço repleto de reverência e afeto. 

CAMPANHA 2020

Penso o lugar da política não como uma carreira mas como uma responsabilidade. Responsabilidade sobre o debate que queremos pôr em pauta e a sociedade que queremos construir. Num contexto tão difícil e reacionário, precisamos pra além de resistir, avançar.”

EMANCIPAÇÃO POPULAR

É sobre dar à população condições de compreensão plena sobre as estruturas sociais que regem sua vida, tornando-o, assim, protagonista de sua história e
ciente do valor de seus saberes na construção de uma sociedade mais justa.

ANTIRRACISMO

É ter a compreensão do caráter estrutural, e não apenas moral, do racismo e, com isso, de que se é parte do problema para além de suas convicções já adquiridas sobre não ser racista, orientando suas ações de maneira a combater as práticas fundamentadas na lógica racista e seus efeitos.

FEMINISMO INTERSECCIONAL

É considerar que além das opressões de gênero sofridas pelas mulheres, existem também cruzamentos entre classe e raça que potencializam essas opressões. É uma ferramenta de nos permite combater as desigualdades, compreendendo como a intersecção entre raça, classe e gênero define as trajetórias das mulheres e da sociedade em que estamos inseridas.

Contribua em nossa vaquinha

Esta é uma empreitada que nos propomos a fazer de forma autônoma, sem nenhum tipo de apadrinhamento ou amadrinhamento. Por isso, contamos com a sua ajuda!

Todos os Projetos

Projetos

Eixo Saúde

Articulação popular e institucional para o reforço da Lei do parto humanizado no SUS. O atendimento humanizado nos serviços de saúde é projeto para a sociedade na totalidade, um avanço no sentido da equidade como direito de cidadania. Embora a morte seja um evento inexorável, muitas mortes maternas e neonatais são evitáveis. Estudos apontam como […]

Eixo Educação

Articulação popular e institucional para garantir mecanismos de formação e espaços de discussão relacionados à temática de raça e gênero no ambiente escolar, construídos coletivamente, de forma a ampliar as condições de reflexão e práticas emancipadoras relacionadas a essas pautas. Fortalecer a Lei 11.645/08 sobre História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena através de bonificação em […]

Eixo Habitação

Articulação popular e institucional que providencie o cuidado ampliado e assegurado a todas as famílias moradoras de áreas mapeadas como de risco, no sentido de avaliação cautelosa das condições do terreno, priorizando ações de redução e mitigação dos riscos existentes e realocação pontual de famílias, quando possível (melhoria de legislação).  Articulação popular e institucional para […]

Eixo Assistência Social

Ampliar e fortalecer, através de maior destinação de recursos, os serviços referenciados ao CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), como uma estratégia importante da garantia de direitos através da busca por maior aderência entre os recursos destinados e a necessidade observada na prestação dos referidos […]

Eixo Cultura

Instituição de política de cotas raciais para pessoas pretas e indígenas nos editais de fomento à cultura.  Articulação popular para mapeamento de espaços de cultura popular existentes no território paulistano.  Instituição, fortalecimento e desburocratização de iniciativas de fomento às culturas populares.  Instituição e fortalecimento de iniciativas de proteção a comunidades tradicionais (terreiros, territórios quilombolas e […]

Eixo Segurança Pública

Atualização da formação da GCM com a inserção da temática do racismo estrutural, bem como de práticas antirracistas com o objetivo de promover o fim do comportamento violento da guarda com pessoas pretas. Conheça o projeto político completo:

Eixo Administração Pública

Descentralização do poder e fortalecimento da autonomia das prefeituras regionais, como forma de facilitar o acesso, o diálogo e reivindicações da população no âmbito municipal. Conheça o projeto político completo:

Eixo Direitos Humanos

Retomada do programa Braços Abertos, aliado a outras políticas de redução de danos, para o enfrentamento do problema de saúde decorrente da dependência química.Elaborar e acompanhar políticas públicas direcionadas ao combate do genocídio da população preta paulistana. Conheça o projeto político completo:

Juntos com camila

"Meu voto é da Camila porque ela tem a potência coletiva da ação que caracteriza tanto a vida das mulheres negras. E é isso que a gente precisa para tomar e ocupar a política institucional em São Paulo. Seu trabalho intereseccional e afetuoso fez e faz diferença na vida de muitas mulheres no momento mais delicado de nossas vidas, que é quando nos tornamos mães. Precisamos de uma mulher assim na Câmara. Camila me representa e por isso é minha vereadora."

Christiane Gomes, Jornalista e Dançarina

“Camila é a minha candidata à vereança porque pensa uma cidade a partir das nossas vozes. Uma cidade mais igualitária e antirracista. Eu me vejo na Camila e precisamos nos enxergar nos espaços de poder.”

Ana Beatriz Amparo, Socióloga

"Camila é feita de afeto e força, abraça suas lutas com todo amor do mundo ao passo que não tem medo de se posicionar. Em uma conjuntura de tantos retrocessos, esta candidatura é, pra além da representatividade, uma resposta contundente a um projeto político que almeja nos exterminar. Eu acredito que o cerne de importantes transformações sociais nasce aqui, por isso meu apoio é de Camila."

Danilza Queiroz, Mãe e Empreendedora

"Camila é minha vereadora porque ela personifica a mudança que quero ver no mundo: força feminina de igualdade, garra e leveza, clareza transformadora, une em si o embasamento teórico da socióloga com o engajamento prático da ativista. Tem rara capacidade de unir a clareza de ver a realidade do mundo sem lentes cor-de-rosa ao entusiasmo e objetividade com energia necessária para ser a mudança."

Marília Mader, Analista do Banco Central do Brasil

“Conheci a Camila Aguiar através do seu trabalho de Doula quando minha esposa estava grávida. Ela é sem dúvida essencial para esse debate de transformação da política. Ativista antirracista e feminista interseccional, Camila vai além da superfície e mergulha com profundidade na realidade do mundo em busca de soluções para os problemas. Ela nos representa, pois vem do mesmo lugar que a gente”

Eduardo Souza, Publicitário

"Apoio Camila porque sei que sua candidatura representa um projeto de muitas. Não se trata de um projeto político individual de poder, mas de dedicação de tempo, energia e afeto para a construção de uma sociedade mais justa para nossas descendentes. Conheço Camila de outras lutas, de muitas batalhas duras e necessárias. Sei do que se trata essa candidatura. Camila vem pra provar que todas podem!"

Daniel Duarte, Engenheiro

"Apoio a Camila em primeiro lugar porque é mulher e porque tem um projeto politico cuja essência é a representatividade coletiva e almeja resgatar os excluídos."

Luiz Otávio, Jornalista e Sociólogo

"É preciso dar voz aos segmentos de baixa representatividade nos parlamentos, portanto votar na Camila é votar contra uma esfera tradicionalmente branca, rígida e patriarcal. Como defensora dos direitos humanos e tendo o privilégio de ser uma mulher branca nessa sociedade, escolher a Camila é minimamente ético no sentido de superar os interesses restritos e possibilitar uma política que inclua as várias realidades. Camila é afeto, maternagem, luta, resistência, realidade das ruas... É a possibilidade de um outro mundo, um mundo onde caibam todos os mundos."

Fabiana Ferreira, Educadora na Fundação CASA

"Precisamos eleger pessoas comuns que lutem pelos nosso interesses. Na politica, sempre vemos homens brancos ricos engravatados que estão ocupando cargos públicos a anos e que fazem projetos que apenas favoreçam seus próprios bolsos. Está na hora de dar um basta nisso. Está na hora de lutar pelos direitos das mulheres pretas e periféricas que matam um leão por dia para sobreviver nessa cidade que todo dia dão as costas pra elas. Por isso eu vou em Camila Aguiar, que fará a diferença na nossa política e lutará pelos nosso direitos!"

Nayara Augusta, Fotógrafa

"Se queremos um futuro diferente, precisamos fazer coisas diferentes no presente. E o presente é JÁ! É por isso que eu voto Camila Aguiar. Um voto por mudança, por afeto, por ideais justos e alcançáveis. Eu voto Camila porque ela representa possibilidade de algo novo, real, de algo próximo e justo. Camila Aguiar é esperança!"

Mariana de Moraes, Psicóloga

"As propostas da Camila foram construídas com base em demandas populares que eu também enxergo como prioridades, principalmente femininas. A luta de vida da Camila me inspira. Hoje ela é uma referência intelectual muito forte para mim. Ela me representa na política, como mulher, mãe e brasileira."

Karine Amicis, Biomédica e Pesquisadora

"Conheci a Camila em 2018, graça a querida Luisa!!! Foi uma época bem difícil pra mim. Eu basicamente não tinha luz, não tinha algo que me levantava da cama sem ser o despertador. Não tinha motivação. No dia em que eu queria acabar com tudo, você apareceu. Dia 9 de maio de 2018, você aparece no meu portão, conversando comigo e me fazendo repensar sobre tudo e todos. Quando eu leio postagens, vejo vídeos em que você cita "reverência" e "afeto", me lembro dessa época. Sou grato a essa época. E são palavras que definem perfeitamente você! As palavras mais sinceras e descritivas que eu tenho de alguém."

Danilo Silva, Estudante do Ensino Médio

"A Camila é uma mulher negra e periférica que tem o dom de agregar outras mulheres. Ela vai colocando em contato mulheres diversas que enfrentam problemas parecidos e podem se ajudar, cria redes. Graças a ela, conheci outras mulheres incríveis com quem divido as dores e os prazeres da maternidade. Acho que essa sensibilidade única de fazer com que as pessoas se encontrem, se juntem, se solidarizem, é o que precisamos na vida política institucional."

Daniela Perutti, Antropóloga e Professora do Instituto de Saúde e Sociedade da Unifesp

últimas do blog

O que faz a Doula?

“Não sei se a vida é curta ou longa para nós, mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se não tocarmos o coração das pessoas.Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que…

VER +

Manifesto Camila Aguiar

Pensar na construção coletiva de um projeto político só pode ser possível por saber que nenhum passo que dei, em toda minha vida, foi solitário (ainda que, em momentos muito exigentes desta travessia, eu não…

VER +